Cargando ...
Lo sentimos, se produjo un error mientras cargabas el contenido.

Phaeton , O Planeta Desaparecido --- Parte 5

Expandir mensajes
  • Reynaldo Sergio Maike
    Phaeton , O Planeta Desaparecido A cada visita Kazantsev falou às coisas mais fascinantes --- não sómente sobre os habitantes de Phaeton, mas também
    Mensaje 1 de 2 , 1 mar 2007
    Ver código fuente
    • 0 archivo adjunto
                                         Phaeton , O Planeta Desaparecido  


      A cada visita Kazantsev falou às coisas mais fascinantes   ---   não sómente sobre os habitantes de Phaeton, mas também sobre como estariam ligados a este planeta alguns  fenômenos  nåo  explicados  de nossa história: os lugares e os fragmentos descobertos por nossos arqueólogos e a descrição de supostas guerras atómicas  contidas  em  antigos  manuscritos ocidentaìs e orientais. Kazantsev pensa que Phaeton foi inteiramente destruido.

      Não houve sobreviventes na face deste planeta que,  simplesmente  partiu-se. Na época da explosåo a civiÌização  desapareceu, mas deixou alguns de seus membros que viajaram pelo espaço.

      "Como falamos de uma civilização com altos conhecimentos termonucleares   ---   que nós mesmos não alcançaremos antes de cinqüenta anos   ---   supomos que também suas explorações espaciais estivessem mais adiantadas que as nossas. Suas espaçonaves podiam navegar peIo sistema solar e concentravam suas  investigações no anel da vida, ou seja na zona  temperada onde estão Vênus, Marte e a Terra. Acredito que soubessem  que  estes  três  pIanetas eram os mais apropriados para uma vida como de Phaeton".

      "Tendo certeza que estes astronautas , presenciaram a destruição de seu pIaneta. Nâo tinham para onde voltär e, assim, pelo menos ,  alguns devem ter  conseguido chegar à Terra. O resto pereceu. Isto pode explicar as antigas ledas de deuses que chegaram em carros de fogo  que foram preservadas e transmitidas por historiadores da antiguidade,  entre eles Plutarco , Daniken , que me visitou antes de publicar Eram os Deuses os Astronautas?   , disse ter descoberto indicios de visitas extraterrestres em diversas partes do mundo  da llha da Páscoa e até à China ".

      Kazantsev pensa que as setecentas e dezesseis chapas de pedra descobertas pelos chineses  na  fronteira  sino-tibetana foram abandonadas por  uma tribo cujos ancestrais eram extraterrestres . De acordo com um arqueólogo chinés, que diz ter decifrado parte das mensagens  neIas  inscritas  a  tribo extinguiu-se. Eram humanóides e não conseguiram  adaptar-se  ao  ambiente terrestre.

      "Apesar de parecer fantastico" , disse Kazantsev , "não devemos desprezar esta hipótese.   As naves espaciais de Phaeton podem ter aterrissado naquele local.  Tinham ferramentas e armas e podemos concluir que algumas  pousaram intactas. Após o pouso, não havia como retornar. Eles podem ter estabeIecido uma colônia de habitantes das cavernas, conscientes de que esta era a única possibilidade de sobrevivencia ".

      "A questão principal é a seguinte :  seria seu equipamento adequado para o estabelecimento de uma colónia numa época em que a Terra ainda era habitada por enormes monstros, anteriores a nossa exístência? Como sobreviveriam? Se Zavaritsky estava certo, as condições de Phaeton na ocasião da destruiçåo eram semelhantes às da Terra de hoje o ar, e água e a gravidade eram parecidos. Tinham , portanto , condições de originarem um homo sapiens como nós.  Não  eram  homenzinhos  verdes com três olhos, e muitó menos gigantes. Sua estatura não póde ter sido mais que duas vezes a nossa. Afinal, nós mesmos somos um terço maiores que nossos antepassados de dois mil anos atrás. Saberiam defender-se ? Imaginamos que de uma maneira ou de outra tenham-no conseguido. Entretanto, algumas gerações mais tarde, pereceram".

      Ele  falava  com  autoridade,  mostrando  que  nåo  especulava.  Gastou anos pesquisando esta teoria.

      "Ainda não temos indícios da época em que ocorreu a destruiçåo. Acreditamos que tenha sido entre quinhentos mil a um milhão de anos. Este periodo coincide com o aparecimento de Neanderthal, não muito antes de surgir o criativo Cro-Magnon . Aceitando que os descendentes de Phaeton tenham vivido no mínimo há quinhetos mil anos , pode-se  pensar que construíram uma ponte entre o homem primitivo e o pensante , talvez para ajudá-lo , educa-lo , deixando-o com  histórias de deuses vindos do céu em carros de fogo e lendas de guerras atômicas   ---   não na Terra , mas em Phaeton . Assim , apesar do desaparecimento dos descendentes dos extraterrestres,  as  lendas  continuaram vivas "
       
       

       

      A continuar . . .
       
       

       

      Extraido do livro Novas Descobertas Psiquicas na União Soviética  de H. Gris e W. Dick  -  1979 
        
       

       

       

      []s
      Reynaldo
      rsmaike@...    
      http://br.geocities.com/rsmaike
      São Paulo    -   Brasil
      3 º Planeta   -   Sistema Solar

       

       

    Tu mensaje se envió con éxito y se entregará al destinatario en breve.